POR DENTRO DA HOMEOPATIA

Esta é uma lista das dúvidas mais frequentes. Caso você não encontre sua resposta nas listas abaixo, entre em contato conosco.



Os gatos e a SUF


Seu gatinho anda quieto, sem apetite, fazendo força para urinar e quando o faz só sai umas gotinhas de urina com um pouco de sangue? Ele pode estar sofrendo de uma enfermidade que atende pelo pomposo nome de "Síndrome Urológica Felina", ou SUF. O nome é grande e o sofrimento do nosso gatinho também.


Uma série de fatores somados ocasionam essa síndrome. Machos castrados são mais suscetíveis, algumas rações também podem provocar os sintomas. Por isso é comum gatos obesos serem acometidos. A faixa etária mais comum é de 2 a 6 anos.

E atenção para quem esquece de deixar água fresquinha para os gatos: eles podem beber pouca água porque são muito seletivos e exigentes; gostam de água recém trocada. Se beberem pouco, ficam desidratados e agravam o aparecimento de cristais na urina.

Além dos sintomas descritos no início dessa matéria, mudanças no comportamento do animal, como fazer xixi em lugares não habituais, fora da caixinha podem evoluir e se seu gatinho parar de urinar completamente, o quadro é grave, podendo desenvolver uma falência renal.

Para não chegar a esse ponto, que pode necessitar de introdução de sonda uretral para desobstruir os cristais (pedrinhas) no canal uretral ou até cirurgia, os cuidados são:oferecer água fresca à vontade , alimentação úmida, estimular o gato a fazer exercício (o sedentarismo é uma das possíveis causas da SUF).

Se você observou alguns desses sintomas em seu bichano, procure o quanto antes um médico veterinário, ele é o profissional habilitado para conduzir o tratamento mais conveniente.

RimSigo é indicado como tratamento complementar nas afecções urinárias em gatos, como a SUF. Fortalece o organismo do seu gatinho para eliminar os cristais junto com a urina e revigora o sistema urinário.

Autora - Dra. Mônica Filomena Assis de Souza - Médica veterinária - CRMV/ MS 0940


Continue lendo...

Qual o efeito da homeopatia no controle das pulgas?


As pulgas podem infestar cães e gatos e são muito difíceis de eliminar porque colocam ovos sobre os animais e por todo o ambiente. Há uma estimativa que para cada pulga que encontramos no nosso animal, outras nove estão no ambiente.


O controle homeopático de pulgas é diferente do que estamos acostumados. Não se mata as pulgas que estão sobre os animais, mas fortalecemos o hospedeiro (cão e gato) para combatê-las. Com pouco tempo, veremos diminuir as pulgas e as poucas que restarem no corpo do animal, antes de desaparecerem por completo, serão mais lentas e "magrinhas". Poucas delas conseguirão colocar novos ovos no ambiente. Desta forma, o ciclo de vida das pulgas será quebrado e o controle das pulgas se estabelecerá.

A cada banho nos cães, não necessariamente inseticida, veremos que menos pulgas retornam. Aquelas crostas negras ( partículas de sangue e fezes de pulgas) em pouco tempo desaparecerão também no seu gatinho.

A fim de otimizar o tratamento homeopático para pulgas, alguns cuidados adicionais são importantes. O ambiente infestado de ovos e larvas de pulgas, deverá sofrer uma limpeza prévia antes de iniciar o tratamento. Lavar caminhas, roupinhas e demais acessórios dos animais com água quente, aspirar o máximo possível de tapetes, frestas, assoalhos, cantos e até fazer uma desinsetização inicial está valendo.

E como as pulgas podem voltar na primeira elevação de temperatura e umidade, a idéia é somar esforços e utilizar o medicamento como prevenção, fortalecendo o animal para que elas não tenham chance nem de iniciar a infestação.

Autora - Dra. Mônica Filomena Assis de Souza - Médica veterinária - CRMV/ MS 0940


Continue lendo...

Seu pet tem algum problema comportamental?


Quando ouvimos a informação de que o medicamento homeopático tem o poder de acalmar um animal, surgem dúvidas de como se daria esse resultado. Por isso, hoje trataremos do efeito terapêutico da Homeopatia e sua importância para a saúde animal.


A Homeopatia parte do princípio que para adoecermos, antes abrimos uma porta para o desequilíbrio orgânico, a "queda de resistência" (um dos nomes usados para o tal desequilíbrio), resultando nos mais variados sintomas, físicos ou na esfera do comportamento.

E o que desestabiliza o equilíbrio animal? Situações de estresse. Por isso, a saúde emocional é essencial para a qualidade de vida.

Os animais, como sabemos, são seres sencientes, ou seja, sentem dor, frio, fome, medo, ansiedade, solidão, tédio.

Imagine um animal que vivia num enorme espaço, como uma chácara, por exemplo e de repente os donos mudam-se para um apartamento! Ele vai sentir essa mudança e seu comportamento pode sofrer algum tipo de desvio.

Já acompanhei o caso de um cachorrinho chamado Flecha, que teve uma mudança de rotina e passou a ferir seu rabinho até sangrar. Chegou ao ponto que a indicação foi até de amputar o membro! Mas ele iniciou o tratamento com a homeopatia, através do CalmSigo, e o quadro foi revertido, sem ter que amputar ou tomar qualquer medida mais radical.

Outro caso curioso é o da cadela chamada Tequila, que precisou fazer uma longa viagem de avião, que somatizava o barulho do motor, a falta dos donos, o medo e a insegurança pelo o que estava acontecendo, naquela situação muito diferente à rotina a que ela estava acostumada. Resultado? Após a viagem, ela passou a exigir a companhia dos donos, a ponto de ter problemas de sangramento nas patas por lamber-se sem parar. Ela também foi tratada com Homeopatia e está ótima.

E como isso acontece? Um médico veterinário homeopata, através dos seus vastos conhecimentos, analisará os sintomas do estresse, selecionará os medicamentos mais indicados e tratará a CAUSA dos transtornos, a "base do iceberg", e não a pontinha dele que conseguimos enxergar: destruição, irritabilidade, depressão, ansiedade e outros sintomas.

Ao reequilibrar o organismo com o uso da Homeopatia, esses sintomas de desvio de comportamento desaparecerão e o animal voltará a ser como antes, brincalhão, com certo temor a coisas que fujam da sua rotina, como fogos de artifício e viagem prolongada dos donos, mas sem pânico exagerado, por exemplo. E tudo sem efeitos colaterais, intoxicações, qualquer reação ao animal, a não ser o equilíbrio.

Dizemos que em Homeopatia fortalecemos o organismo para que ele próprio, "lute" em favor da saúde.

A Linha SIGOPET foi criada através de mais de 20 anos de experiência clínica homeopática de centenas de casos como esses relatados. Trataremos a cada semana de novos assuntos e casos.

Consulte seu veterinário e disponibilize ao seu melhor amigo esse grande presente!

Autora - Dra. Mônica Filomena Assis de Souza - Médica veterinária - CRMV/ MS 0940

Continue lendo...

Homeopatia: equilíbrio físico e comportamental

A Homeopatia é uma ciência terapêutica com mais de 200 anos, uma especialidade médica e médica veterinária reconhecida por seus respectivos Conselhos profissionais e exercida por milhares de profissionais em todo o mundo.
Os medicamentos homeopáticos agem estimulando o equilíbrio físico e comportamental de seres humanos e animais, estimulando o organismo a lutar contra as enfermidades, atuando na origem do desequilíbrio e não apenas em seus sintomas.



Como ministrar o medicamento para os gatos?

Pode ser administrado diretamente na boca através do sistema de borrifada. Naqueles animais mais agitados fazer em um pouco de água uma borrifada e dar através de seringa, na água de beber e na comida/ração.



Podemos fazer mais de um medicamento da linha pet ao mesmo tempo?

Sim, dependendo da enfermidade que tratamos. Por exemplo, um animal idoso e cardíaco pode ser tratado com o FortSigo e o CardioSigo, se as suas condições físicas forem de desgate.



Posso usar o RIM SIGO para a Síndrome Urológica Felina?

Sim, como tratamento complementar. RimSigo age no sistema urinário como um todo, equilibrando as funções de todos os órgãos que compõe esse sistema.



Qual a ação do CalmSigo?

É um medicamento com ampla atuação, baseado nas principias causas dos desvios de comportamento de cães e gatos tais como: ansiedade, destruição, vocalização excessiva, ingestão de fezes, ansiedade e cinetose (náusea e vômitos em veículos), irritabilidade, libido exagerada entre outras.

Sigo Homeopatia | Rua Zeferino Pires de Freitas nº 88 • Campo Grande - MS | 0800 294 2220

Ateliê da Propaganda